sexta-feira, 25 de novembro de 2011

VIDEO:PALESTRA: EM DEFESA DE UMA TEORIA DO INDIVIDUO EM MARX

O Prof. Dr Eduardo F. Chagas, apresentou ontem à noite, 24, no auditório Valnir Chagas-UFC, a conferência tratando sobre, "O INDIVIDUO EM MARX", no contexto do capital.  Apresentando seus apontamentos sobre o referido tema, o Prof. Eduardo contrapôs a tese básica de alguns marxólogos que relutam em aceitar uma teoria do individuo no interior da obra marxiana. Discorrendo a partir da própria obra marxiana, o Prof. Eduardo Chagas demonstra que é possível resgatar uma teoria do individuo em Marx. Confira no video acima a palestra e a sistematização proposta e demais detalhes. A conferencia integral pode ser vista no Youtube.

sábado, 19 de novembro de 2011

O INDIVIDUO EM MARX




  O Grupo de Estudos Marxistas do curso de Filosofia-UFC, convida aos seus integrantes e a todos que se interessam pela obra marxiana para a apresentação do Prof. Eduardo F. Chagas, intitulada, O Indivíduo em Marx.  O evento acontecerá na próxima quinta-feira no dia 24/11/2011, as 19:30h-20:30h; e faz parte da programação do II Colóquio Indivíduo no Contexto da Crise do Capitalismo.



DIA 24/11/2011 (5ª FEIRA)
HORÁRIO: 19:30h – 20:30h 
LOCAL: Auditório Valnir Chagas- Endereço: Faculdade de Educação (Faced). Rua Waldery Uchoa, 01 - Benfica.
O Indivíduo em Marx    Prof. Dr. Eduardo Chagas (UFC)

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

MINICURSO ROUSSEAU

    Aconteceu hoje a tarde nas dependências do Departamento de Filosofia da UFC o primeiro dia de palestras do Encontro sobre Rousseau. O evento é uma realização do GEPRO, Grupo de Estudos Políticos em Rousseau, organizado por: Goldembergh Brito (Filosofia-UFC) e Francisco Macílio (Filosofia-UFC). O Prof. Dr. Eduardo F. Chagas coordenador do GEM e do curso de Filosofia abriu o encontro apresentando um retrospecto da vida e obra de Rousseau. Indicando como procedimento a leitura das próprias obras do autor e o uso da criticidade; o Prof. Eduardo apontou como tematicas importantes no pensamento rousseuaniano: i) a atualização do homem com a natureza com a proposta de Rousseau apontando para uma autonomia da natureza uma contraposição a saída apontada na atualidade que vê na crise ambiental uma forma de lucro. ii) a crítica de Rousseau a uma razão absoluta que desconsidera os afetos. iii) crítica as relações humanas da sociedade moderna que Rousseau concebe como relações frias e calculistas. iv) indicação de que o surgimento da propriedade privada gerou as desigualdades entre os homens. v) Enquanto a modernidade absolutizou a razão como a única saída para a emancipação humana; Rousseau se contrapôs afirmando que pela via da razão resultou a dominação do homem sobre o homem. Para Rousseau a relação com a alteridade somente pela via da razão é puro artificialismo, é preciso os afetos e a fraternidade. E por fim, a ideia rousseauniana que bate com golpes de martelo na forma de política moderna, ou seja, J.J. Rousseau é contra a democracia representativa por que essa forma de governo exclui a participação direta dos cidadãos das decisões políticas.
     Após a exposição o Prof. Eduardo concedeu a assistência presente a oportunidade do debate finalizando esse primeiro dia do evento indicando a importância do pensamento de Rousseau por tratar de temas que ajudam a pensar as relações humanas. Parabéns aos organizadores do evento.



segunda-feira, 24 de outubro de 2011

ESTUDO E LEITURA IMANENTE DA OBRA IDEOLOGIA ALEMÃ:FEURBACH E HISTÓRIA:1) OS RESULTADOS DA ANÁLISE DA CONCEPÇÃO MARXIANA DE HISTÓRIA; 2) A DIFERENÇA ENTRE A CONCEPÇÃO MARXIANA DA HISTÓRIA E A CONCEPÇÃO IDEALISTA DA HISTÓRIA; 3) O PADRÃO A-HISTÓRICO DA CONCEPÇÃO HISTÓRICA OFICIAL; 4) A CONCEPÇÃO DE HISTÓRIA OFICIAL É A VERSÃO DA CLASSE DOMINANTE; 5) A FILOSOFIA HEGELIANA DA HISTÓRIA É O APOGEU DO IDEALISMO ALEMÃO; 6) NA HISTÓRIA AS IDEIAS SEMPRE DOMINAM; 7) OS FILÓSOFOS SEMPRE DOMINARAM NA HISTÓRIA RESULTADO PROCLAMADO POR HEGEL; 8) OS TRÊS ESFORÇOS FILOSÓFICOS PARA DEMONSTRAR A SUPREMACIA DO ESPÍRITO NA HISTÓRIA.





 O GEM-Grupo de Estudos Marxistas FILOSOFIA-UFC, deu sequência ao estudo da fenomenal obra marxiana A Ideologia alemã, precisamente no capítulo Feuerbach e História. Estiveram presentes: Albertino Servulo (Filosofia-UFC), Teresa Pinho (doutorado-UFC), Eveline Rocha (Filosofia-UECE), Murilo Leite (Direito-UFC) e Breno Lima (Direito-UFC). A exposição, o estudo e a leitura imanente da obra supra foi a partir da página 41 até a página 50 e resultou nas seguintes conclusões: 1) OS RESULTADOS DA ANÁLISE DA CONCEPÇÃO MARXIANA DE HISTÓRIA; 2) A DIFERENÇA ENTRE A CONCEPÇÃO MARXIANA DA HISTÓRIA E A CONCEPÇÃO IDEALISTA DA HISTÓRIA; 3) O PADRÃO A-HISTÓRICO DA CONCEPÇÃO HISTÓRICA OFICIAL; 4) A CONCEPÇÃO DE HISTÓRIA OFICIAL É A VERSÃO DA CLASSE DOMINANTE; 5) A FILOSOFIA HEGELIANA DA HISTÓRIA É O APOGEU DO IDEALISMO ALEMÃO; 6) NA HISTÓRIA AS IDEIAS SEMPRE DOMINAM; 7) OS FILÓSOFOS SEMPRE DOMINARAM NA HISTÓRIA RESULTADO PROCLAMADO POR HEGEL; 8) OS TRES ESFORÇOS FILOSÓFICOS PARA DEMONSTRAR A SUPREMACIA DO ESPÍRITO NA HISTÓRIA. Depois do estudo dirigido foi dado o informe de que a Profa. Doutoranda Maria Teresa Pinho apresentará o minicurso intitulado, A Crítica Marxiana da Economia Política: um estudo sobre a obra o Capital de Karl Marx (cf. horário e local na Ata abaixo). Os participantes reunidos na data de hoje deliberaram que as reuniões continuam a acontecer semanalmente. E a sequencia do estudo se dará na próxima segunda-feira, 31/10/2011, as nove horas e trinta minutos da manhã no departamento de filosofia.
 ATA DA REUNIÃO 24/10/2011

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

OS INTEGRANTES DO GEM APRESENTARAM HOJE NO CAMPUS DO PICI, O PÔSTER DE DIVULGAÇÃO DO GRUPO DE ESTUDOS MARXISTAS







     Integrantes do GEM, apresentaram hoje no campus do pici, o Pôster de divulgação do Grupo de Estudos Marxistas, nos Encontros Universitários 2011. O coordenador do GEM, Prof. Eduardo Chagas, participou do evento como avaliador e na ocasião  prestigiou os bolsitas do GEM . Os participantes do GEM que ajudaram a divulgar o Grupo de Estudos Marxistas nesta manhã foram: Albertino Servulo, Paulo Henrique Gomes, Fernando Riça, Goldembergh Brito, Jessica "Keka" e Gabriel Aquino. Parabéns!

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

ESTUDO DA OBRA MARXIANA IDEOLOGIA ALEMÃ: 1) OS MOMENTOS DA ATIVIDADE SOCIAL; 2) A CONSCIÊNCIA DA PRÁXIS EXISTENTE; 3) A DIVISÃO DO TRABALHO E 4) A SOCIEDADE CIVIL COMO FUNDAMENTO DE TODA A HISTÓRIA.

O Grupo de Estudos Marxistas realizou hoje pela manhã mais um profícuo encontro dando continuidade ao estudo da obra clássica marxiana, A Ideologia alemã.




NA OCASIÃO ESTIVERAM PRESENTES:

Diana Jovino (Doutorado-UFC); Teresa B. Pinho (Doutorado-UFC);  Eveline Lima (Filosofia-UECE); Murilo Leite (Direito-UFC); Pedro Bernardino (Filosofia-UFC); Albertino Servulo (Mestrado-Filosofia-UFC); Márcio Pereira (Direito-UFC); Breno Lima (Direito-UFC); Antonio Carlos (Mestrado-Educação-UFC). O estudo e a leitura imanente dos participantes, focado no capitulo, FEUERBACH E HISTÓRIA, se deteve ao estudo: 1) dos aspectos indispensáveis das relações históricas originárias, 2) da consciência da práxis existente, 3) da divisão social do trabalho e 4) da sociedade civil. No primeiro estudo foi obtida as seguintes conclusões: a) "devemos começar por constatar o primeiro pressuposto de toda a existência humana e também, portanto, de toda a história, a saber, o pressuposto de que os homens têm de estar em condições de viver para poder 'fazer história' "; b) " o segundo ponto é que a satisfação dessas primeiras necessidades, a ação de satisfazê-la e o instrumento de satisfação, já adquirido conduzem a novas necessidades, e essa produção de novas necessidades constitui o primeiro ato histórico." c) "A terceira condição que já de início intervém no desenvolvimento histórico é que os homens, que renovam diariamente sua própria vida, começam a criar outros homens, a procriar, a família. Essa família, que no início constitui a única relação social, torna-se mais tarde, quando as necessidades aumentadas criam novas relações sociais e o crescimento da população gera novas necessidades, uma relação secundária". No segundo estudo constatamos que: " a linguagem nasce, tal como a consciência, do carecimento, da necessidde de intercâmbio com outros homens. Desde, o início, portanto, a consciência já é um produto social e continuará sendo enquanto existirem homens." Do terceiro estudo concluimos que: " A divisão do trabalho só se torna realmente divisão a partir do momento em que surge uma divisão entre trabalho material e trabalho espiritual. A partir desse momento, a consciência pode realmente imaginar ser outra coisa diferente da consciência da práxis existente." E por fim, em nosso quarto exame constatamos pela leitura textual da obra supra de Marx que: "Essa concepção da história [de Marx] consiste, portanto, em desenvolver o processo real de produção a partir da produção material da vida imediata e em conceber a forma de intercâmbio conectada a esse modo de produção e por ele engendrada, quer dizer, a sociedade civil em seus diferentes estágios, como fundamento de toda a história." O GEM dará continuidade ao estudo da IA na próxima segunda-feira, 24, as nove horas e trinta minutos da manhã, na sala três do departamento de Filosofia da Universidade Federal do Ceará. 


ATA DA REUNIÃO DO GEM   17/10/2011

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

INTEGRANTES DO GEM APRESENTARÃO PÔSTER DE DIVULGAÇÃO DO GRUPO DE ESTUDOS MARXISTAS NO EU-2011-UFC


Integrantes do GEM-Grupo de Estudos MARXISTAS FILOSOFIA-UFC, apresentarão no dia 19, quarta-feira, um pôster de divulgação do grupo de estudos, nos Encontros Universitários 2011 na Universidade Federal do Ceará. O pôster é composto de seis seções: 1) Apresentação; 2) Relevância; 3) Objetivos: 4) Metodologia; 5) Atividades/Resultados e 6) Conclusão. O propósito é divulgar que o GEM tem por objetivos, a pesquisa, o aprofundamento, a propagação e a contextualização do pensamento marxiano, bem como o estudo dos pontos de vista dos filósofos que se apropriaram das categorias de Marx para sistematizar suas filosofias. E ainda, que os resultados das reuniões tem tomado a forma de atividades como: minicursos, seminários, comunicações, colóquios, debates e parceria com outros grupos de estudos da UFC que O GEM tem buscado manter contato; dentre os quais destaca-se: GELF; GEPRO; FPE, GEH,  e GRUPE.  Os integrantes também apresentarão comunicações, algumas fruto dos estudos perpetrados no grupo de estudos marxistas. Abaixo listamos as comunicações, todas sob a orientação do coordenador do GEM, Prof. Dr. Eduardo F. Chagas, com a indicação do local e horário. Convidamos os participantes a prestigiar as apresentações dos integrantes do GEM que irão participar desse importante evento acadêmico.

Título: GEM:GRUPO DE ESTUDOS MARXISTAS FILOSOFIA-UFC
                                                 Autor Principal: Albertino Servulo Barbosa de Sousa
                                                 Co-Autores: Paulo Henrique Gomes de Oliveira  e
                                                                     Fernando Farias Ferreira Riça











Apresentação: Pôster Dia: 19  Hora: 08:00  Painel: PH.15 Identificação: 1.1.19.002

 



















  














Título: O PROBLEMA DA IDEOLOGIA NA CONSTRUÇÃO DO SOCIALISMO
Autor Principal: Maria Teresa Buonomo de Pinho
Apresentação: Oral   Dia: 19  Hora: 16:40  Sala: 04  Local: Química - Bloco:950, Térreo Identificação: 2.2.12.005

 Titulo: PROPRIEDADE PRIVADA: UM PODER HISTÓRICO MUNDIAL NA POLÊMICA DE MARX COM A DOUTRINA FISIOCRÁTICA E A ECONOMIA POLÍTICA
Autor Principal: Albertino Servulo Barbosa de Sousa
Apresentação: Oral   Dia: 19  Hora: 14:20  Sala: 05  Local: Química - Bloco:950, Térreo Identificação: 2.2.19.009

Título: A CONCEPÇÃO DE NATUREZA EM LUDWIG FEUERBACH
Autor Principal: Fernando Farias Ferreira Rica
Apresentação: Oral   Dia: 19  Hora: 17:00  Sala: 16  Local: Didático do CC - Bloco:951, 1º andar Identificação: 2.1.19.001

Título: A RELIGIÃO E A CONSCIÊNCIA DA ESSÊNCIA HUMANA EM FEUERBACH
Autor Principal: Barbara Santiago de Souza
Apresentação: Oral   Dia: 20  Hora: 09:20  Sala: 16  Local: Didático do CC - Bloco:951, 1º andar

Título: A CONCEPÇÃO DE NATUREZA COMO CRITICA A RELIGIÃO EM FEUERBACH
Autor Principal: José Luiz Silva da Costa
Apresentação: Oral   Dia: 19  Hora: 09:20  Sala: 05  Local: Química - Bloco:950, Térreo Identificação: 2.2.19.002

Título: A QUESTÃO DA GUERRA EM ROUSSEAU
Autor Principal: Francisco Macilio Oliveira da Silva
Apresentação: Oral Dia: 20  Hora: 11:00  Sala: 16  Local: Didático do CC - Bloco:951, 1º andar Identificação: 2.1.19.011

Título: GEPRO - GRUPO DE ESTUDOS POLÍTICOS EM ROUSSEAU: A NECESSIDADE DE UMA INTRODUÇÃO AO PENSAMENTO ROUSSEAUNIANO
Autor Principal: Francisco Macilio Oliveira da Silva
Co-Autores: Jéssica de Oliveira Silva Goldembergh Souza Brito
Apresentação: Pôster   Dia: 19  Hora: 08:00  Painel: GJ.03 Identificação: 1.3.05.020

Título: HERDER E PROPOSTA DE REFORMA RADICAL NA EDUCAÇÃO
Autor Principal: Marcos Fabio Alexandre Nicolau
Apresentação: Oral   Dia: 19  Hora: 14:00  Sala: 05  Local: Química - Bloco:950, Térreo

Título: LIBERDADE E PROPRIEDADE PRIVADA EM JEAN JACQUES ROUSSEAU
Autor Principal: Goldembergh Souza Brito
Apresentação: Oral Dia: 20  Hora: 10:40  Sala: 16  Local: Didático do CC - Bloco:951, 1º andar Identificação: 2.1.19.010

Título: O ESTADO BURGUÊS E A ESTRATÉGIA NEOLIBERAL PARA CONTROLE DA CRISE DO CAPITAL: DA COESÃO AO CONSENSO
Autor Principal: José Pereira de Sousa Sobrinho
Apresentação: Oral Dia: 20  Hora: 08:20  Sala: 04  Local: Química - Bloco:950, Térreo Identificação: 2.2.12.008

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

ESTUDO DA OBRA IDEOLOGIA ALEMÃ: FEUERBACH E HISTÓRIA: A QUESTÃO SOBRE A RELAÇÃO DO HOMEM COM A NATUREZA

                    

   O GEM reuniu seus integrantes no dia de hoje dando continuidade ao estudo da obra, A Ideologia alemã. Na ocasião os presentes fizeram a leitura e o estudo imanente da obra, discutindo pontos importantes dentre os quais: 1)" A importante questão sobre a relação do homem com a natureza, da qual surgiram todas as obras de insondável grandeza sobre a substância e a autoconsciência, desfaz-se em si mesma na concepção de que a célebre unidade do homem com a natureza sempre se deu na indústria." 2) "Mesmo a ciência natural "pura" obtém tanto sua finalidade como seu material apenas por meio da indústria".
 Os integrantes presentes deliberaram que a próxima reunião acontecerá no dia 17/10/2011, as 9hs 30min da manhã, no departamento de filosofia. 
Estiveram presentes: Albertino Servulo (Mestrado-Filosofia-UFC); ; Diana Jovino (Doutorado-UFC); Teresa B. Pinho (Doutorado-UFC);  Eveline Lima (Filosofia-UECE); Murilo Leite (Direito-UFC); Pedro Bernardino (Filosofia-UFC); José Edmilson Aires (Filosofia-UFC) e Daniel Gomes (Mestrado-UFC-FACED)(Cf.. ATA abaixo, clicando view in fullscreen )


quarta-feira, 28 de setembro de 2011

ESTUDO DA OBRA IDEOLOGIA ALEMÃ: FEUERBACH E HISTÓRIA

O Grupo de estudos Marxistas-UFC, realizou no dia de hoje sua reunião quinzenal no departamento de filosofia, sala um, com o estudo e a leitura da obra marxiana, A Ideologia alemã. O GEM discutiu o capitulo que trata sobre Feuerbach e História, buscando na leitura do texto os pontos principais que norteiam o pensamento marxiano. Dentre as questões estudadas ficou clara a posição de Marx de que : 1) "A libertação é um ato histórico e não um ato de pensamento, e é ocasionada por condições materiais." 2) "Para o materialista prático, isto é, para o comunista, trata-se de revolucionar o mundo, de enfrentar e de transformar praticamente o estado de coisas por ele encontrado." 3) "Em geral, não é possível libertar os homens enquanto estes forem incapazes de obter alimentação e bebida, habitação e vestimenta, em qualidades e quantidades adequadas." Os integrantes do GEM deliberaram que as reuniões acontecerão a cada quinze dias as quartas-feiras, sempre as 16 horas, no departamento de filosofia. 
Estiveram presentes: Albertino Servulo (Mestrado-Filosofia-UFC); Francisco Luciano (Mestrado-Filosofia-UFC); Diana Jovino (Doutorado-UFC); Teresa B. Pinho (Doutorado-UFC); José Pereira (Doutorado-UFC); Antonio Carlos (Mestrado-Educação-UFC); Solon Sales (Mestrado-Educação-UFC); Eveline Lima (Filosofia-UECE); Murilo Leite (Direito-UFC); Ladislau de Sousa (Direito-UFC); Paula Emanuela (Mestrado-UFC); Marcio Pereira (Direito-UFC); e  Adinari Moreira de Sousa (Filosofia). (Cf.. ATA abaixo, clicando view in fullscreen )


sábado, 24 de setembro de 2011

REUNIÃO DO GRUPO DE ESTUDOS MARXISTAS - ESTUDO DA OBRA IDEOLOGIA ALEMÃ


O GEM dará continuidade ao estudo da obra Ideologia alemã na próxima quarta, 28, a partir das 13 horas. O estudo e a leitura imanente da obra IA se concentrará no capítulo FEUERBACH E HISTÓRIA (MARX, Karl. ENGELS, Friedrich. A Ideologia alemã. Tradução de Rubens Enderle, Nélio Schneider e Luciano Martorano. São Paulo: Boitempo, 2007, p.29-78). Será disponibilizado na Xerox da filosofia, na pasta do Prof. Eduardo F. Chagas, o material desse estudo.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

ATA DA REUNIÃO DO DIA 22/09/2011

Hoje pela manhã no Departamento de filosofia, os integrantes do GEM retomaram o estudo da obra marxiana, dando inicio ao estudo da obra A Ideologia alemã. Foi realizado a leitura e o estudo do Prólogo dessa obra. Dentre outras deliberações ficou acordado a mudança de horário das reuniões (cf. na ATA, clicando no ícone view in fullscreen). Estiveram presentes: ALBERTINO SERVULO BARBOSA DE SOUSA ; FERNANDO FARIAS FERREIRA RIÇA; PAULO HENRIQUE GOMES DE OLIVIERA; JOSE EDMILSON AIRES DE ALCÃNTARA; WILDIANA KÁTIA MONTEIRO JOVINO; MARCOS FELIPE DE FREITAS ARAÚJO; MURILO LEITE PEREIRA NETO e JOSÉ PEREIRA DE SOUSA SOBRINHO.

domingo, 18 de setembro de 2011

ESTUDO DA OBRA IDEOLOGIA ALEMÃ

 
Na próxima quinta-feira, 22, as nove horas da manhã o GEM retorna sua rotina de encontros do grupo de estudos marxistas ( O GEM já finalizou o estudo e a leitura das obras: Manifesto Comunista e MEF). Na ocasião iniciaremos o estudo da obra a Ideologia alemã. Mantendo a metodologia da leitura imanente da obra marxiana utilizaremos a tradução em lingua portuguesa da Editora Boitempo, que já nos confirmou apoio em nossas atividades. Como é de praxe o registro do estudo e a presença dos participantes será registrada em ata.

REUNIÃO DO GEM
                                                        LOCAL: DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA -UFC     
                                                        Avenida da Universidade, 2995-2° andar - Benfica






sábado, 10 de setembro de 2011

III Congresso Internacional Ludwig Feuerbach Fortaleza-CE 2011




           







                   






O III Congressso Internacional Ludwig Feuerbach ocorreu com grande êxito nas dependências da Universidade Federal do Ceará, no final do mês de agosto. A conferência de abertura foi proferida pelo coordenador do GEM, Prof. Eduardo F. Chagas, que apresentou:“O Instinto de Felicidade como Objeto da Vontade Livre em Feuerbach”. No encerramento houve o lançamento do livro: LUDWIG FEUERBACH: FILOSOFIA, RELIGIÃO E NATUREZA, tendo como organizadores: Eduardo F. Chagas & Deyve Redyson. Parabéns aos conferencistas e a todos que contribuiram para a realização desse evento.
Prof. Eduardo Chagas e Integrantes do GEM-Grupo de Estudos MARXISTAS FILOSOFIA - UFC, no lançamemto do Livro: LUDWIG FEUERBACH: FILOSOFIA, RELIGIÃO E NATUREZA. 






Prof. Dr. Márcio Gimenes de Paula – UnB, apresentou a conferencia:“Os Escritos de Juventude de Feuerbach: Breves Considerações”.



      Segue o registro dos momentos marcantes desse inesquecível Congresso, onde se reuniram os  pesquisadores da obra do filósofo alemão Ludwig Feuerbach. Parabéns aos pesquisadores: Prof Dr. Eduardo F. Chagas - UFC; Prof. Dr. Márcio Gimenes de Paula - UNB; Prof. Deyve Redyson - UFPB; Profª Drª Adriana Serrão-UL; Prof. Dr. Arlei Espíndola -UEL-PR; Prof. Dr. Rosalvo Schülz - UNIOESTE-PR e o Prof. Dr Francesco Tomasoni - Universitá del Piemonte Orientale-Itália.
                                                                                             
Integrantes do GEM- Grupo de Estudos Marxistas Filosofia-UFC, participaram ativamente nas atividades visando o êxito do III Congresso Feuerbach. Agradecemos a parceria e colaboração de todos em especial: Fernando, Luciano, Jeane, Augusto, Manoel, Barbara, Cássio, Jéssica, Goldembergh, Luís, Raíssa, Rosália, Carlos, Rangel, Paulo Henrique, Julio, Muller, Macílio, Ana Cançado, Lívia
   Nicoly Castro Rodrigues de Andrade (UFPB) apresentou a pesquisa: FEUERBACH E KIERKEGAARD: DA CRÍTICA DO CRISTIANISMO AO PENSAMENTO CRÍTICO.
                                                           


Profª Drª Adriana Serrão (Universidade de Lisboa) no Congresso Feuerbach apresentando a conferencia: “Ser e Agir: Paradoxos de uma Ética em Ludwig Feuerbach”.                    

sábado, 3 de setembro de 2011

ARTIGO PUBLICADO NA REVISTA OUTUBRO: A Determinacao Dupla Do Trabalho Em Marx

O artigo do Prof. Dr. Eduardo F. Chagas intitulado " A DETERMINAÇÃO DUPLA DO TRABALHO EM MARX: TRABALHO CONCRETO E TRABALHO ABSTRATO", foi publicado na REVISTA OUTUBRO, o artigo expõe que Marx aborda o trabalho tanto em sua acepção geral quanto em sua concepção particular. Na acepção geral, positiva, Marx concebe o trabalho enquanto atividade livre e consciente, sem fazer apologia ao trabalho estranhado, assalariado; por outro lado, ele o tem também em sua concepção particular, negativa, enquanto atividade perniciosa e imposta, sem negar indistintamente o trabalho. Por isso, é importante ressaltar que há em Marx a distinção e a íntima inter-relação de trabalho útil-concreto (positivo), como objetivação e autodesenvolvimento humano, como automediação necessária entre o homem e a natureza, entre o homem e um outro homem, “trabalho vivo”, que produz valor de uso (produto utilizável), indispensável à produção e reprodução humana, com trabalho abstrato (negativo), “trabalho morto”, “trabalho pretérito”, contido nas mercadorias, cujo principal fim é a criação de mais-valia, a valorização do valor, a reprodução e autovalorização do capital.( cf. o artigo em anexo clicando em VIEW IN FULLSCREAM)



segunda-feira, 15 de agosto de 2011

INTEGRANTES DO GEM APRESENTARÃO PESQUISAS NO III CONGRESSO INTERNACIONAL LUDWIG FEUERBACH

     Albertino Servulo Barbosa de Sousa (CATEGORIAS DE ESPAÇO E TEMPO NO PENSAMENTO DE LUDWIG FEUERBACH), Paulo Henrique Gomes de Oliveira (A SUPERAÇÃO DA RELIGIÃO PELA POLÍTICA EM LUDWIG FEUERBACH), Goldembergh Souza Brito (A NECESSIDADE DE SALVAÇÃO), Fernando Farias Ferreira Riça (APROXIMAÇÕES E DISTANCIAMENTOS ENTRE MARX E FEUERBACH), Francisco Luciano Teixeira Filho (POR QUE DEUS SALVOU MARX E NÃO SALVOU FEUERBACH?) e Jose Luiz Silva da Costa (O HOMEM ENTRE O ANIMAL E O ESPÍRITO EM FEUERBACH E NIETZSCHE), integrantes do GEM-Grupo de Estudos Marxistas-FILOSOFIA-UFC, apresentarão pesquisas no III Congresso Feuerbach a ser realizado nos dias: 29, 30 e 31 de agosto. Segue em anexo a programação geral do III Congresso Internacional Ludwig Feuerbach (clique no ícone VIEW IN FULLSCREEN)
    O tempo dos GTs foi aumentado para que cada comunicador tenha 20 minutos para apresentar seu trabalho e 10 minutos para debate. O tempo será cronometrado pelo coordenador do GT ( o debatedor) e deverá ser cumprido a risca para não atrasar a programação do evento. Lembramos que as comunicações serão nas salas 1, 2, 3 e 4 do bloco do Curso de Filosofia da Universidade Federal do Ceará.
     O Prof. Dr Eduardo Ferreira Chagas fará sua exposição no dia 29 com o tema:“O Instinto de Felicidade como Objeto da Vontade Livre em Feuerbach”. 

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

GEM recebeu no dia de hoje o material da Livraria Vozes para o Congresso Feuerbach

 A coordenação do GEM representada por: Albertino Servulo (Pós-graduação Filosofia-UFC), Goldembergh Brito (graduação-Filosofia-UFC) e Luis Costa (Pós-graduação Filosofia-UFC), receberam no dia de hoje o material da Livraria Vozes que patrocina o III Congresso Feuerbach que acontecerá nos dias: 29, 30 e 31 de agosto. O GEM tem apoiado desde o inicio as atividades visando a estrutura desse evento. O Sr. Luiz Brito gerente da livraria Vozes, localizada na rua Major Facundo, 720, fone: (85) 3231-9321 no centro de Fortaleza-Ce, patrocina o evento cedendo pastas e canetas para o Congresso em agosto. A livraria VOZES estará presente no evento com um stander divulgando as grandes obras da filosofia.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

REVISTA DE FILOSOFIA SÍNTESE: publicação do artigo: Marx´s dialectical method:investigation and critical exposition of the object

O_METODO_DIALETICO_DE_MARX[1][1]
Foi publicado na REVISTA DE FILOSOFIA SÍNTESE, uma das mais conceituadas na área filosófica; o artigo do Prof. Dr. Eduardo F. Chagas. O artigo mostra a trajetória do pensamento de Marx sob a perspectiva do método na sua determinação dupla, investigação e exposição, enquanto processo de apropriação e explicitação crítico-racional da imanência do próprio objeto pelo sujeito. O método dialético de Marx enquanto método de investigação e de exposição distingue, sem separar, esses dois momentos, pressupondo que o objeto só pode ser exposto depois de ser investigado, analisado, criticamente em suas determinações essenciais.

quarta-feira, 25 de maio de 2011

I MOSTRA DE PROJETOS: DISSERTAÇÕES E MONOGRAFIAS:FILOSOFIA-UFC- Proposta de evento aprovada.

O Prof. Dr. Evanildo Costeski cordenador do Programa de Pós-graduação em Filosofia da Universidade Federal do Ceará aprovou no dia de hoje a proposta de evento do GEM; I MOSTRA DE PROJETOS: DISSERTAÇÕES E MONOGRAFIAS:FILOSOFIA-UFC. O evento acontecerá no segundo semestre nos moldes de um minicurso, com certificação de 40hs e tendo como tema: NATUREZA E POLÍTICA; com a apresentação dos mestrandos e mestrandas em filosofia da UFC período 2010-2011. Veja em anexo o documento com a Proposta.




Proposta de Evento Para o Mestrado

sexta-feira, 20 de maio de 2011

CONVITE






                                               Prof.  Eduardo Chagas
                                       Promove o Grupo
                                    de Estudos Hegelianos

CONVIDA


Caros colegas,

Convido-vos para um Grupo de Estudos Hegelianos, a ser iniciado dia 27/05/2011 [sexta-feira], as 10hs, no Departamento de Filosofia da UFC. Essa é mais uma iniciativa vinculada ao GRUPO DE ESTUDOS MARXISTAS – GEM  Nossa primeira proposta será um estudo sobre as "Linhas Fundamentais da Filosofia do Direito, ou, Direito Natural e Ciência do Estado em Compêndio", conhecida simplesmente por Filosofia do Direito. A proposta é de iniciarmos nossos estudos com a Introdução à obra, que estará até o meio da semana disponível na Xerox da Vanda - logo abaixo das escadas da Sociologia. Visando uma maior sintonia de leitura, elegi a nova tradução brasileira: HEGEL, G. W. F. Filosofia do Direito. Tradução Paulo Meneses, et. al. São Leopoldo: Ed. UNISINOS/UNICAP/Loyola, 2010. Porém, fica aberto o uso de qualquer outra tradução que os participantes venham a possuir, pois o uso de outras traduções pode ser um útil instrumento de analise da obra. Em anexo envio um arquivos sobre a nova tradução, e um arquivo com as demais traduções existente da obra. Enviarei também outras traduções em formato digital para que os participantes possam cotejar as mesmas em suas leituras. [obs: alguns anexos seguirão em outros e-mails por questão de espaço] Vos aguardo então na sexta-feira para iniciarmos nossas reflexões sobre a Filosofia do Direito de Hegel.
      

GRUPO DE ESTUDOS HEGELIANOS[1]
 





SOBRE A NOVA TRADUÇÃO DA FD de Hegel[1]

quarta-feira, 27 de abril de 2011

REUNIÃO DO GEM COM A PRESENÇA DO PROF. DR. EDUARDO F. CHAGAS



 
  O GEM realizou no dia de hoje sua reunião mensal com a presença do Prof. Eduardo Chagas que presidiu a reunião. O encontro teve a presença da Srta Rosa Juliana da Costa (Direito-UFC) representando o GRUPE, Grupo de Estudos e Defesa do Direito do Trabalho e do Processo Trabalhista. Dentre os encaminhamentos sugeridos, ficou decidido que o GEM se reunirá quinzenalmente enquanto os grupos ou células de estudos darão ênfase ao estudo específico  se reunindo conforme deliberação de seus participantes. Relativo ao GRUPE, o Prof. Eduardo sugeriu uma aproximação e até mesmo uma posterior visita de integrantes do GEM as reuniões desse importante grupo de estudos, com a pretensão de no futuro próximo, se possível, realizar uma atividade em conjunto. Veja os encaminhamentos no vídeo abaixo:
 

LINK: Video da Reunião Mensal do GEM com o Prof. Dr. Eduardo F. Chagas- em 27/04/2011

http://www.youtube.com/watch?v=-jkcY876p_c

                           VISITA DO GRUPE AO GEM
                         Representado pela srta. Rosa Juliana (Direito-UFC)
                                     
                                     Rosa Juliana (GRUPE)

          

          

sábado, 16 de abril de 2011

SUBJETIVIDADE E FORMAÇÃO HUMANA EM KARL MARX


, 
O Prof. Eduardo F. Chagas participou nesta sexta- feira (15/04/2011) do I Simpósio do Programa de Educação Tutorial- PET Pedagogia realizado no Auditório Valnir Chagas. Na ocasião, ele expôs o tema “Sujetividade e Formação Humana em Karl Marx”. No próximo dia 27 de abril (quarta-feira às 14 horas), o Prof. Eduardo Chagas, estará presidindo a reunião mensal do GEM.

terça-feira, 12 de abril de 2011

I Simpósio do Programa de Educação Tutorial - PET Pedagogia
Tema: “O pensamento pedagógico hoje”
Período de 13 a 15 de abril de 2011
Local: Faculdade de Educação – FACED


, CONFERÊNCIA: Subjetividade e Formação Humana em Karl Marx – Prof. Dr. EDUARDO F. CHAGAS   
Local: Auditório Prof. Valnir Chagas.  Sexta-feira, 15/04: Tarde - 14:00h às 16:00h
__._,_.___



Reunião mensal do GEM com a presença do Prof. Dr. Eduardo F. Chagas